sexta-feira, 3 de agosto de 2012

TRISTE REALIDADE NA SAÚDE!

VEJA POR DENTRO A REALIDADE DO HOSPITAL DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL

UNIDADE VERGUEIRO - SÃO PAULO-SP

GESTÃO GILBERTO KASSAB

Em 9 de Julho de 2012, iniciei uma verdadeira peregrinação pelos corredores e andares desse "mega-hospital" situado na esquina da Rua Vergueiro com Rua Castro Alves no bairro da Liberdade na Capital de São Paulo. Com meu irmão acidentado, e lá socorrido, acompanhei-o como sempre munido de minha câmera. Eu já sabia que lá daria matéria.

Confesso que alguns extremos me surpreenderam. Outros tantos me decepcionaram muito. Atento a tudo que se passava a minha volta, ninguém poderia imaginar estar diante de um jornalista que combate principalmente erros médicos e saúde pública.

Lá tem um verdadeiro exército de seguranças. Mais do que médicos e atendentes. Os corredores imensos da internação em enfermarias, com três pessoas em cada quarto, exigiriam no mínimo 4 técnicos de enfermagem para a ala direita e mais 4 para a ala esquerda. Por turno se vê apenas 4 para todo andar. Falo especificamente do 9º andar acima do PS. E depois de andar muito, driblando os seguranças consegui colher algumas fotos que retratam, indiscutivelmente, o abandono que a gestão KASSAB atribuiu a um gigante da área hospitalar, que atende a todo tipo de casos, em sua área de influência.

A emergência desse grande hospital, é um circo dos horrores. E dessa vez, realidades retratadas em fotos locais, deverão esfriar os ânimos da equipe KASSAB, antes de novas ameaças! Assim, desmintam as fotos se puderem.

A Ortopedia desse gigante municipal é digna de louvor. Capitaneada pelo competente cirurgião Dr. Wo, fazem verdadeiros milagres graças a sua doação pessoal. A área vascular de forma idêntica abriga médicos excelentes e dedicados a exemplo da Dra. Andrea cirurgiã vascular que se desdobra 7 (sete) dias por semana, longe das condições ideais de trabalho e atendimento. Todos se desdobram. Tentam com muito esforço, compensar o descaso que as autoridades competentes tratam a saúde pública.

Vejam o corredor da emergência do HSPM-Vergueiro: no fundo a esquerda estão estacionados só naquele ponto 3 (três) seguranças, um deles com o pé na parede.

O cesto branco não é de lixo comum. É destinado a material infectante e compartilha o espaço com doentes e acidentados de toda natureza. Paredes remendadas e imundas são um convite à formação de colônias bacterianas diversas. Á direita na foto abaixo, trata-se da lateral de uma das macas que compõe um fúnebre e desolador cenário. Uma fila imensa de pacientes, que são atendidos nesse corredor. Esse é o circo dos horrores!


Em outro ponto do mesmo corredor, vemos o descaso e a falta de supervisão da Limpadora Califórnia responsável pela manutenção da limpeza e descontaminação:


Observem as paredes desse mesmo corredor:




Notem o estado dos roda-pés! internamente em um hospital isso é inadmissível, pois cria ambiente propício para colonização de tudo que não presta. Bactéria não se vê!

Fui mais adiante e resolvi checar o estado dos banheiros destinados ao público, vejam:

Porta de entrada do banheiro vista por dentro:


Porta interna de um dos banheiros destinados ao público:


É claro que papel higiênico nem pensar. Imaginem os constrangimentos que isso causa!também não existem copos para se tomar água ou dar aos pacientes.

Essa outra foto, é de uma outra porta interna de banheiro público do HSPM. Nesse caso observamos também a falta de educação e bons princípios, típicos do nosso povo. Vejam:



E para terminar o capítulo banheiro, mais uma vez notamos a negligência criminosa dessa Limpadora Califórnia, que jamais poderia permitir vasos tão sujos como esses:



Quero crer que o Sr. KASSAB jamais sentaria aí....não é? mas imaginem numa situação de emergência e você deparar com um quadro desses?

Como o tema é extenso, esse capítulo ficará por aqui. Todavia, fica registrado o enorme descaso do Prefeito Gilberto Kassab, de seu Secretário da Saúde e demais puxa-sacos.

Por oportuno, o Sr. KASSAB é mestre em lacrar e interditar empresas em São Paulo, acho muito justo que, numa vistoria da Vigilância Sanitária, lacrassem esse gigante, em que pese o benefício que trazem a milhares de pessoas, ainda que nessas condições.


E agora KASSAB? 

5 comentários:

  1. MAIS HÁ OUTRA REALIDADE PRIVADA , NÉ ????????????

    ResponderExcluir
  2. EU TENHO MEDO DE SER SOCORRIDA NUM HOSPITAL PÚBLICO ,DE TER DE FICAR NUMA ENFERMARIA CHEIA DE DIVERSAS DOENÇAS RESPIRANDO MESMO AR :))))))))))))
    VIVENDO DESCASO E DEMORA NO ENCAMINHAMENTO DO TRATO DO PACIENTE ,QUE SEM CONHECIMENTO FICA MERCE DOS QUE SABEM ,E QUE TEM DE SUCUMBIR INEFICIÊNCIA PELA CARÊNCIA DO SISTEMA ENFRAQUECIDO :)))))))))))))
    O POVO SOFRE E MORRE SEM SABER DE FATO A RAZÃO !!!
    CAOS CAOS CAOS ... TRATAMENTO DESUMANO ,SOB VÉU DO DESCASO
    CULPADOS ??? TODOS ,MAIS VÍTIMA É O DÓ_ENTE QUE VEM ÓBITO !!!
    CLAUDINHA POETA
    LONDRINA BRASIL

    ResponderExcluir
  3. olha meu amigo,eu quase vomito ao ver,tudo isto,que nojo,imagina agente leva uma pessoa doente,enterna neste lugar,a pessoa sai mais doente ou morta por imfecção hospitalar,o descaso é muito grande mesmo,faz bem você denunciar este descaso a saude publica.

    ResponderExcluir
  4. Meu querido amigo do Orkut.
    Te deixo um bom beijo e desejo uma semana abençoada!
    E te esperando no meu blog, aliás nos meus blogs que já te sigo há um tempinho, rsrs.
    Eu! Leilinha

    ResponderExcluir